Aspectos Menores

As relações entre os planetas vão muito além das conjunções e quadraturas. Para uma sintonia fina na interpretação, é preciso conhecer também os aspectos menores.

Este curso aborda a identificação, significado e importância dos aspectos considerados menores, como o semissextil, a semiquadratura, a sesquiquadratura, o septil, o nonil e outros de uso pouco comum. Vamos ver não apenas que problemas ou oportunidades eles sinalizam, mas também como funcionam no mapa de pessoas de verdade e como você pode integrá-los na interpretação.

Os aspectos menores keplerianos e o quincúncio

Uma parte do curso será dedicada aos chamados aspectos keplerianos, que recebem este nome  por terem sido estudados por Johannes Kepler (1571-1630) astrólogo, matemático e criador da Astronomia moderna. São aspectos que decorrem da divisão da circunferência por cinco ou seus múltiplos. É o caso do quintil, com 72º, seu dobro, o biquintil, com 144°, a metade do quintil, o decil, com 36°, e o tridecil — o triplo do decil — com 108°.

Esta classe de aspectos não é apenas fruto de uma invenção engenhosa. Na verdade, o quintil e seus derivados guardam relação direta com a medida áurea, ou proporção áurea, presente em todos os reinos da natureza. Kepler não aceitava as charlatanices então associadas ao conhecimento dos astros. Acreditava na possibilidade de uma nova e verdadeira astrologia, como ciência empírica: “A crença no efeito das constelações se deriva em primeiro lugar da experiência, tão convincente que só pode ser negada por gente que nunca a examinou.”

Outro aspecto que receberá especial atenção no curso é o quincúncio, ou quincunce, que conecta planetas ou pontos localizados em signos e casas que quase nada têm em comum. Nas últimas décadas o quincúncio vem sendo mais seriamente estudado, devido a sua utilidade como indicador de questões psicológicas e de saúde. Quincúncios são também a base de uma configuração muito conhecida mas pouco compreendida: o Yod, também chamado de Dedo de Deus. Vamos entender como utilizá-lo.


O instrutor

Fernando FernandseFernando Fernandse é astrólogo, editor do site Constelar e fundador da Escola Astroletiva. Professor de Astrologia há 35 anos, utiliza uma metodologia dinâmica, coparticipativa e voltada para o desenvolvimento de competências práticas.


Este curso ainda não está com inscrições abertas

A próxima turma se inicia na terça-feira, 17 de maio de 2022. 

Quer receber em primeira mão o aviso de abertura de inscrições? Deixe seu email aqui, na Lista de Alerta. E mais: se houver uma procura significativa, Astroletiva pode antecipar a próxima turma!

Datas, metodologia e investimento

O curso ocorre forma totalmente online e inclui:

  • Quatro videoconferências por aplicativo Zoom, das 19h30 às 21h30, sempre às quartas-feiras, 24/11, 01/12, 08/12 e 15/12.
  • Acesso às gravações em vídeo, disponíveis no ambiente do curso um a dois dias após cada aula.
  • Extenso material didático: um inteiro website em plataforma Moodle, com textos, imagens, arquivos PDF, mapas e fórum de discussão.
  • Acesso ao ambiente virtual por cinco meses a contar da data de início.
  • Avaliação final e emissão de Certificado.

Início: Quarta, 24 de novembro

Investimento:R$ 329,00 – Clique no botão abaixo para pagar com cartão ou boleto.

Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

Se você vive em outro país, utilize o formulário de contato para solicitar a emissão de cobrança em dólares ou euros, via PayPal.